Relembre o desfile divisor de águas da Comme des Garçons

Três looks da icônica coleção de verão 1997 da Comme des Garçons || Créditos: Divulgação / Reprodução

Rei Kawakubo, nome por trás da tão desejada Comme des Garçons, não está pra brincadeira. Ela foi homenageada na edição 2017 do tradicional baile anual do Metropolitan Museum of Art, em Nova York, que este ano analisa o seu trabalho na exposição “Art of In-Between”. Aproveitando a homenagem,  relembre o icônico desfile de primavera/verão de 1997 da Comme des Garçons que para muitos críticos de moda é considerado o divisor de águas quando o assunto é modelagem e estética. Afinal, nesta apresentação Rei desconstruiu tudo e propôs algo nunca antes visto, que determinou os rumos da moda de vanguarda nas duas décadas seguintes.

Batizada “Body Meets Dress, Dress Meets Body”, o desfile deixou claro que manter o ‘status quo’ nunca interessou Kawakubo e é por isso que quebrar regras e apresentar o novo sempre foi uma de suas maiores qualidades. Lembrado como o desfile de “pedaços e solavancos” a apresentação mostrou vestidos recheados com enchimentos e com formas esculpidas, dando ao corpo humano uma nova forma, propondo um novo diálogo com o que para muitos não havia o que mudar. “É nosso trabalho questionar a convenção. Se não corrermos riscos, quem correrá?”, disse Rei após o show.

Três looks da icônica coleção de verão 1997 da Comme des Garçons || Créditos: Divulgação / Reprodução

glamurama.uol.com.br

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: