Para cada fase um tipo de roupa: saiba como se vestir de acordo com sua idade

Com tantas tendências de moda, novidades, acessórios, às vezes fica difícil de escolher quais peças combinam melhor com você, seu corpo, e, até mesmo, sua idade! O tempo passa, e com isso, as escolhas mudam de acordo com o que é melhor para você. Você pode manter seu estilo, porém de forma bonita, adequada e elegante. Seja no trabalho, em ocasiões formais ou casuais, saber se vestir pode te ajudar, e muito!

O maior pecado que uma mulher comete é acreditar que pode se descuidar da disciplina necessária para envelhecer bem: alimentação saudável, rotina de exercícios físicos e bebidas alcoólicas com moderação. Em qualquer faixa etária, a atenção com a saúde é indispensável e deve ser encarada como uma prioridade.

O cuidado com a adequação social e profissional é uma regra válida para qualquer idade. A juventude não libera nenhuma mulher de observar o contexto em que vive. E vale lembrar que o início de uma carreira de sucesso se dá no ambiente acadêmico”. Por isso, ele recomenda que exageros na maquiagem, roupas excessivamente curtas, decotadas ou apertadas sejam evitados. “Extravagâncias não são bem-vindas na escola, na faculdade nem no trabalho. Postura ética e discernimento aplicam-se em todas as idades da mulher”

Aos 20 anos: valorize o bom senso

img_1_34_3999A mulher de 20 anos está em busca de sua independência e gosta de expressar jovialidade e criatividade por meio do que veste. E opções não faltam nas coleções. Está liberado: brincar e misturar cores, estilos, estampas e, claro, arrasar nas tendências. Mas sempre com muito equilíbrio na produção!

Aos 30: busque a elegância

img_1_34_4001 (1)Essa deve ser a palavra de ordem! Porém, grandes decotes, barriguinha de fora, abuso da transparência, roupas superajustadas ao corpo e curtas são erros facilmente encontrados nas ruas. Os 30 anos situam as mulheres em uma fase decisiva de sua trajetória pessoal e profissional.Se existe um período em que elas devem procurar recursos como guias de estilo e consultoria de imagem, é nessa etapa da vida.

Aos 40: segurança

img_1_34_4003Hoje existe uma gama de recursos disponíveis para a manutenção de uma aparência jovem e saudável pelo maior tempo possível. Assim, se os cuidados com o corpo foram adotados precocemente, os impactos do tempo ficam bem menos perceptíveis.

A mulher com essa idade já está mais confiante e segura. Mesmo assim,  ela não pode cair em tentação: “O erro fatal é acreditar que usar roupas ‘jovens’ fará com que ela readquira a juventude, sobretudo quando existe uma incompatibilidade entre o seu corpo e o que ela pode vestir”.

Aos 50 anos: maturidade na medida

img_1_34_4004Os erros mais graves cometidos por uma mulher aos 50 anos são: “Descuidar da aparência, da beleza e da saúde, bem como se vestir inadequadamente, seja para encaixar-se no estereótipo da ‘velhinha’ ou de uma adolescente tardia”. Esse é o momento ideal para valorizar ainda mais os tecidos, cortes e caimentos, evitando tudo o que marca muito a silhueta. 

Marco Antônio Vieira, pesquisador e consultor em design de moda

bonde.com.br

 

 

Anúncios
  1. #1 por 🌵VIVIMETALIUN🌵 em junho 9, 2017 - 1:31 pm

    Looks maravilhosos. 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: