Arquivo para categoria Etiqueta

Vai de Passeio Completo ?

Fashion-Men-Shoes-blazer-suits-amenimario-1Mas fica difícil quando as mídias, muitas vezes operadas por pessoas mal informadas ou sem a formação técnica necessária, divulga em larga escala novos conceitos que podem nos fazer cair em armadilhas constrangedoras.

Na foto acima o passeio completo com a versão de colete e mais esportivo até por conta da meia listrada… Como se vê, as versões podem variar e os homens precisam de um pouco de paciência para interpretar todas.

A Denominação de trajes – (e o seu visual) em eventos profissionais ou sociais, longe de ser uma frescura, é necessária para identificar o indivíduo dentro de um grupo, área ou mesmo universo profissional. Ela é mais maleável no campo social mas, profissionalmente é imprescindível saber o que usar para um evento cujo convite vem com “Passeio Completo ” – por exemplo.

Nosso mais recente James Bond impecável em passeio completo

Estou falando apenas desse traje hoje, pois, parece ser o que as pessoas mais tem dúvidas… E não é para menos, pois há muitas nomenclaturas diferentes que podem indicar o mesmo dress code.

Vamos entender:

Terno escuro – está correto e pode substituir o termo passeio completo. Na verdade é o costume escuro para os homens e, para as mulheres, vestidos curtos ou pantalonas em tecidos mais nobres com ou sem brilhos, mais ou menos trabalhados.

Social – termo usado de forma errada. O social pode se referir a um blaser – ou paletó – usado com ou sem gravata com calça social ou esportiva. E não é Passeio Completo que é a versão mais formal desse “social”.

Esporte Fino – Erradoooooo!! Não existe esporte fino nem grosso tá? É esportivo ou não. O que as pessoas querem dizer quando usam “esporte fino” na verdade é o equivalente ao que se chama de “Passeio” – sem o completo…

Ok, Passeio nada mais é do que o blaser ou paletó com calças – com ou sem gravata. E para as mulheres novamente, roupa curta mas em tecidos menos nobres, e com sapatos e bolsas mais informais.

Fashion-Men-Sport-Casual_amenimario-20A sequência seria Esporte (ou Casual), Passeio e Passeio Completo – do mais esportivo ao formal.

E, no ultra formal temos Black Tie (ou À Rigor ) e Gala. 

http://www.claudiamatarazzo.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Como Acertar o Tom em Diferentes Tipos de Mesa

castiais-candelabros-velas-na-decorao-de-casamentos-festas-e-jantares-19Afinal, com mesas caprichadas em casa estamos resgatando não apenas a prática de boas refeições mas também do convívio ao vivo e de qualidade com familiares e amigos!

No entanto, detalhes e colorido à parte, é preciso deixar claro que o ritual de todas as refeições é muito similar, se não igual mesmo.

O que pode variar é o tom da recepção e da refeição, ou seja: elementos decorativos e gastronômicos podem dar um clima diferente a cada acolhimento.

CM-2017-Workshop-Sheraton-Rio-Mesas-Decoradas_2017-09-10-marioameni_PHOTO-Campelo-55Uma refeição em casa pode ser diferente de uma refeição na empresa que, por sua vez também difere de uma mesa em casamentos e mesmo daquelas em um restaurante.

Vamos entender essa diferença sutil !

Mesa em casa – pode ter o tom no qual você se inspirar ou quiser definir: você pode fazer uma refeição divertida, esportiva, formal , temática, solene…

A azul, da foto acima, remete a praia. Já na foto abaixo a linha de Palmeiras  lembra  o campo e, combinada com o arranjo  de Flores pode se prestar também para uma refeição na varanda ou ao ar livre.

CM-2017-Workshop-Sheraton-Rio-Mesas-Decoradas_2017-09-10-marioameni_PHOTO-Campelo-63Você decide e com isso basta acrescentar elementos que ajudem a criar esse clima.

Refeições em um restaurante: nesse caso você seguirá a orientação e o estilo daquela casa. Ou seja eles já tem um tipo de serviço e utensílios – e é mais difícil mudar isso. De modo que será uma mesa mais comercial mas, ainda assim muito correta.

CM-2017-Workshop-Sheraton-Rio-Mesas-Decoradas_2017-09-10-marioameni_PHOTO-Campelo-61Mesa na empresa – a refeição na empresa tem as mesmas características de uma mesa em um restaurante porém como é uma empresa e principalmente no caso de empresas privadas, é possível dar o tom, a partir da ocasião dentro do contexto geral. Como essa acima, mais rústica e informal…

Naturalmente, a referência também pode ser as pessoas que estamos recebendo – e partir daí decidir cardápio, serviço etc.

Mesa de comemorações ou festa – uma mesa de casamento batizado ou outras festas muito familiares – é uma mesa declaradamente mais festiva que permite que se sonhe mais. Mais flores, mais cores, mais velas…. Mas sem extrapolar ou perder o sentido da ocasião tá??

Mesa de 15 anos, de noivos, de bodas de prata, mesa de aniversário infantil…aí o céu é o limite – mas sempre dentro de um padrão de bom senso.

Dica final: meseiras de todo o Brasil, sei que é uma delícia caprichar nisso ou naquilo, acrescentar peças e cores novas a uma produção! E como! Mas, não podemos perder de vista que o mais importante, seja qual for o tipo de refeição ou mesa é que elas sejam funcionais e que, as pessoas sentadas ao seu redor em reunião, divirtam-se e desfrutem o prazer de uma boa refeição!

http://www.claudiamatarazzo.com.br

 

Deixe um comentário

EtiquetaVirtual : Não Esqueça o Básico Essencial!

cyber-loves-websiteNão adianta ser rápido em usar todos os novos aplicativos e atropelar por conta da ansiedade – como muitas vezes acontece. Isso pode afetar sua imagem como profissional e mesmo como pessoa. Assim como dizer obrigada, por favor e com licença, algumas regras básicas de bom uso da tecnologia tem sido esquecidas e devem sim ser respeitadas para melhorar o convívio diário.

1- Quando teclar : da mesma forma que você se desculpa para ir ao banheiro, você também deve pedir licença e se retirar para atender ao seu telefone – simples assim.

2- Como falar no viva voz : não use viva voz a menos que você esteja em seu escritório ou casa sem outras pessoas exceto as diretamente envolvidas no assunto em questão. E acredite: usar o viva voz com volume alto para ouvir recados de sua caixa postal da voz é a definição da deselegância. Fora o que irrita os outros.

3  Algumas dicas básicas para e-mails: se tudo o que você tem a dizer em sua resposta de e-mail é “Obrigado!” não precisa enviá-lo. Salvo se tiverem pedido para acusar recebimento.

Emails também tem horário  e não é frescura: e-mails de trabalho devem ser enviados de preferência uma hora antes do início da jornada de trabalho e até duas horas depois que termina . E não sou eu quem diz mas o ” The Modern Gentleman” . Isso faz com que o fluxo diminua e consequentemente a ansiedade geral também…

Ainda , evite ao máximo ” gritar” usando letras de forma, fontes coloridas ou clip-art emoticons. E não custa lembrar que é falta de educação anexar arquivos grandes e pesados sem avisar.

4 -Conferindo mensagens –  evite conferir recados de voz ou texto em dispositivos pessoais durante uma reunião com a presença de seus superiores. Segure a onda e aguarde o final do encontro

5- O básico para o uso de celulares: ao falar com alguém ao vivo, não espiche o olho para o seu celular para conferir recados ou mensagens….

CM-Blog-Belicosa-Smartphone_claudiamatarazzoAtenda corretamente: parece fácil mas, com as invasão das mensagens de texto, muita gente desaprendeu de falar ao telefone. Assim, no trabalho, atenda falando antes o nome da empresa, setor e finalmente o seu: indique seu nome e local de negócios: “Companhia de sal Salinas, marketing, Isabel falando – como posso ajudar?”

6 – Correio de voz:  no trabalho, ao deixar recados gravados de voz, informe seu nome, local de trabalho e número. E bem sucintamente diga por que você está chamando. Repita seu nome e diga adeus.

7 – Smartphones no escritório – se deixar o celular em sua mesa, o ideal é desligar. Se não consegue, use- o no vibra e ao falar, tente moderar o tom de voz pois ainda há uma tendência a falar mais alto quando estamos ao celular.

http://www.claudiamatarazzo.com.br

Deixe um comentário

Etiqueta Virtual: Dúvidas e Micos para Evitar

facebook-iconFacebook é democrático sim – mas as pessoas e os sentimentos nem tanto…

1- Quer ser amigo/a do seu chefe? O ideal é esperar ele pedir. Chefes tem seu próprio grupo de amigos e interesses – parece pouco democrático mas evita que você se exponha

2- Não peça – para ser amigo mais de uma vez

3- Não tecle – nada que você não diria na vida real e ao vivo .

4- Polêmica –  causa e faz muito sucesso, mas, dependendo do caso, releia reavalie antes de publicar – e pense se vale a pena

5- Cuidado  – nunca é demais. Falar mal de alguém só porque ele não está na sua lista de amigos é coisa de neófitos…

6- Não se ofenda – se alguém não te aceitar como amigo – nem todo mundo vê tudo o tempo todo, ou acha que é normal ser amigo do amigo dos amigos.

linkedin_business_communicationhttp://www.claudiamatarazzo.com.br

Deixe um comentário

6 Coisas Que Deve Manter Em Segredo, Segundo Os Sábios Orientais

kodo_sawaki_zen_master-696x365Os povos antigos eram dotados de uma sabedoria incomparável. Muitas de suas descobertas e ensinamentos sobreviveram até os dias de hoje – e isso não é por acaso, os sábios orientais, por exemplo, deixaram muitos ensinamentos que se mantêm atualizados até os dias atuais. E vamos compartilhar com você alguns desses ensinamentos do mundo oriental:

1. Nunca revele o que você está planejando para o seu futuro

  • Comentar o que pretende fazer no futuro pode resultar numa grande frustração: desistência.

  • As pessoas podem ser bastante negativas e levar você a desacreditar no seu sonho.

  • Mantenha segredo entre você e Deus.

  • Quando tudo já estiver bem encaminhado, comemore com quem ama.

2. Não compartilhe com os outros sobre as limitações de seu corpo

  • Sabe quando você tem dores, cansaço ou enfrenta dificuldades para realizar algumas atividades?

  • Se possível, não compartilhe isso com todo mundo.

  • O corpo é algo muito pessoal e você deve aprender a ser forte e conviver com ele sem lamentações.

3. Não se vanglorie de seus atos mais caridosos

  • Se você ajuda alguém, deve fazer por amor e não para se vangloriar.

  • O ego pode estimular essa atitude horrível, mas fuja ao máximo da arrogância.

  • Além de se colocar numa situação bem complicada, você também pode deixar outras pessoas constrangidas e humilhadas.

4. Evite se gabar da sua coragem e do seu valor

  • Quando alguém é digno de admiração, as pessoas reconhecem facilmente, não é preciso você se gabar.

  • O máximo que vai conseguir se autopromovendo são críticas e uma imagem nada positiva.

5. Não desperdice seu tempo falando mal dos outros

  • Quando falamos mal dos outros, estamos revelando muito mais sobre nós do que sobre quem reclamamos.

  • Além disso, o ambiente fica pesado e a mente cheia de pensamentos ruins.

6. Não diga todos os problemas que sofre em sua vida pessoal

  • Há quem sai divulgando, até nas redes sociais, os problemas que vem enfrentando.

  • Lembre-se de que é muito importante se preservar.

  • Quando falamos demais, corremos o risco de revelar segredos ou de ficarmos muito vulneráveis diante de quem nos ouve.

  • portalraizes.com

1 comentário

Como Manter Seu Emprego Por Mais Tempo

emprego-claudiamatarazzoÉ isso aí: de nada adianta um currículo invejável, ser amigo do chefe ou mesmo ter boas conexões no mercado. Se a atitude não estiver adequada a política da empresa, em pouco tempo esse funcionário que parecia tão promissor, acaba queimado – e a demissão é certa.

Não é terrorismo – pesquisas mostram que as empresas contratam pela competência – isso é certo. Porém, como disse, 70% das causas de demissão são por conta de posturas agressivas ou consideradas inadequadas.

Ora, em tempos de Crise, não é caso de correr o risco…

demitido-claudiamatarazzoE o que seria uma atitude inadequada?

Varia, claro, de empresa para empresa – algumas são mais formais, outras mais rigorosas quanto a certos aspectos e outros nem tanto. Daí a importância de ficar ligado em aspectos que, de forma geral, bem trabalhados, não desagradam nunca – ao contrário!

Visual – novamente os números: é o responsável por nada menos do que 60% do impacto da comunicação não verbal. Portanto, é importante sim, apresentar-se de forma que combine com o contexto geral de seu trabalho.

Tom de Voz – nesse mesmo estudo da comunicação não verbal – 30% do impacto negativo ou positivo vem do tom da voz – e não necessariamente do que você está falando ( isso, em um primeiro momento, tem um impacto de apenas 10%).

De modo que maneire: não fale alto nem baixo demais, não seja sarcástico ou engraçadinho, não gargalhe sem motivo, ou sozinho – de alguma piada que só você entende pois passa uma imagem de pouca seriedade. E mulheres, se liguem: nada de falar baixinho, sussurrando. Firmeza e voz clara passam muito mais credibilidade tá?

Interação e presença – hoje, o virtual tem uma presença prá lá de marcante em nossa vida – daí a importância de sair um pouco de trás de telinhas e telonas.

Espante a preguiça e tire a bunda da cadeira.Vá até a lanchonete, circule pela sala, converse, ajude, pergunte mas principalmente seja uma pessoa presente e antenada.

Discretamente e com discernimento é claro. Se notar que sua ajuda não é bem vinda ou que o ambiente não está para papo, recue com leveza e graça.

Sem Pressa – hoje ninguém mais tem tempo pra nada certo? Por isso mesmo, você não pode ser mais um esbaforido, eternamente atrasado e atropelado por uma agenda insana.

Ainda que isso seja verdade, procure se controlar, respire fundo e adote uma postura calma, focada e no controle.

Faz todaaaaa a diferença do mundo – experimente!

demisso-por-justa-causa-o-que-fazer_claudiamatarazzoclaudiamatarazzo.com.br

Deixe um comentário

7 TOP DICAS DE ETIQUETA A MESA

Schmidt-Royal-Preto-DSCN9760_11_14_2014_140014-ok1- Quando começar a comer? – se você está sentado em uma mesa com oito ou menos convidados, espere até que todos sejam servidos e a anfitriã  ( ou o dono da casa) comece a comer ou pelo menos que dê o sinal antes de  degustar seu prato. Já, em uma longa mesa de banquete, não há problema em começar quando várias pessoas já estão sentadas e servidas.

2- O que não vai a mesa – em uma mesa, não devem ser vistos nem estar presentes itens que não têm a ver com comida e  a decoração . Assim, devem permanecer de fora: chaves, bolsas, óculos de sol e, especialmente, telefones e tablets.

3- Para recusar vinho: não explique muito e nem se desculpe porque você não bebe. Basta colocar as pontas dos dedos na borda do copo e dizer “Não hoje, obrigado.” Isso não implica julgamento daqueles que desejam beber.

vinhos-tema_claudia_matarazzo-5-e15032655982724- Super Barman: a maneira certa de espremer um limão em sua bebida é usando a mão para proteger o limão quando você apertá-lo. Assim você não atinge seu vizinho inadvertidamente. Parece bobagem, mas quando acontece é muito desagradável – para ambos….

5- Passando um alimento a mesa – se alguém pedir que passe a salada ou o saleiro não aproveite para servir-se antes. É um gesto rude de gula. Só faça isso se tiver muita intimidade – e ainda assim, peça licença e seja rápido.

6- Para pedir mais – se  a comida estiver sobre o bufê, não tem problema servir-se de mais. Mas é delicada esperar que todos já tenham ser servido e inclusive já estejam quase terminando – para não dar a impressão de voracidade e gula… Se for um serviço a francesa o garçom deveria passar uma segunda vez. Se não o fizer você pode indicar discretamente  a dona da casa ou anfitrião que adorou  e que gostaria de mais um pouco – ele vai apreciar.

7- Posso levar para casa? – estava uma delícia e sobrou muita coisa…Mas é preciso saber quando levar as sobras : se estiver com amigos ou família, em um restaurante não há problema em pedir para embalar o que sobrou para viagem.  Mas não é o caso de fazer isso em um almoço ou jantar de negócios. Já, na casa de alguém nem pense em pedir : só se a dona da casa oferecer e insistir.

claudiamatarazzo.com.br

Deixe um comentário

Casamento: Vai de Sapatos ou Chinelinhos?!

il_570xn-791332353_56cp-e1503236273652Essas e outras coisas acabam encarecendo demais – e sem a menor necessidade a festa de casamento. Sem falar que noiva de chinelinho nem é tão bacana assim…

Será mesmo tão necessário? Que a noiva troque de sapatos para cair na balada dá até para entender, no entanto, hoje, a mãe da noiva também tem entrado nessa . E vamos combinar que a foto fica bebem melhor de sapatinhos certo? Sem aquele ar de fim de festa…

Dica: as duas podem simplificar e, desde o início escolhem um modelo de sapato confortável e elegante. Acredite: forrar um já testado e “amaciado” é a melhor pedida! Você escolhe tecido, detalhes que queira bordar etc e manda forrar. É mais simples e muuuito mais barato do que parece…

Antes de se negar a pensar no assunto pense: com vestido longo alguém olha tanto assim para os pés e sapatos da noiva? Garanto que não!

E, ainda que olharem, ninguém sabe dizer se um modelo como esse abaixo é comprado novo em folha ou se foi forrado certo?

CM-Blog-Wedding-Shoes-Casamentos-Sapatos-Superfluos_claudiamatarazzo_amenimario-2-e1503263114241E aquela sandália que você ama, já super testada pode

CM-Blog-Wedding-Shoes-Casamentos-Sapatos-claudiamatarazzo_amenimario

 ganhar aplicações de flores e 

CM-Blog-Wedding-Shoes-Sapatos-Casamento_claudiamatarazzo_amenimario

continuar super confortável “segurando o pé”  com estrutura peep toe

E o que dizer do poder agregado por um simples bordado de pedras e brilhos como esse acima?  A grande vantagem não é tanto a economia – que às vezes pode nem ser tão significativa, mas o fato de você poder passar a noite toda linda sem sentir os pés. Porque sapatos amaciados não tem preço…

Pode me chamar de antiquada e ultra conservadora, mas nada vai me convencer de que  noiva com o vestido com a barra encardida arrastando no chão,  começando a rasgar é uma visão bonita. Por mais animada que esteja a festa…

claudiamatarazzo.com.br

1 comentário

Pizza Chic

 

Blog-Pizza-lenha-claudiamatarazzo_amenimarioOrganize sua pizza com carinho e aproveite as dicas…

Capriche na apresentação –   em vez de empilhar pratos e talheres a americana, deixe os lugares colocados na mesa. Dá um ar mais arrumado, a comida fica até mais saborosa.

Não dá outra: preste  atenção a quantos sabores e combinações  fazem da pizza um dos alimentos mais completos e, por incrível que pareça, muitas vezes menos calórico do que parece.  Veja como arrasar servindo o prato preferido de 9 entre 10 pessoas sem morrer de trabalhar.

Pode comer com a mão? Pode, claro, mas é preciso saber: dobrando o pedaço em dois e, morda. Apenas evite fazer isso com as de recheio muito cremoso ou picado – que fatalmente vai cair antes de chegar a boca.

Deixe todo material a mão – principalmente cortadores e espátulas. O ideal é ter um para cada uma. Assim todos podem se servir sem esperar e deixar a massa esfriar.

Para não esfriar – evite deixá-las destampadas ou perto de janelas abertas . O ideal mesmo é colocá-las sobre placas térmicas que são esquentadas no micro ondas e mantém o calor por até duas horas. Se tiver esse tipo de ferramenta não tenha preguiça de usar pois faz a maior diferença!

E para beber? – esqueça essa estória de que pizza com guaraná é que é uma delícia. Até é. Com Coca Cola e água com gás também. Porém nada impede que você tome também um bom vinho tinto acompanhando a sua. Experimente e veja como a refeição adquire outra categoria.

Blog-Pizza-pedra-claudiamatarazzo_amenimario-e1501360276715E já que estamos falando em acompanhamentos, não precisa servir pizza com outros pratos. Mas uma salada de folhas e tomate com um azeite e vinagre balsâmico é um ótimo contraponto para tanta massa e eventuais misturas de temperos.

Precisa sobremesa? – se é domingo esqueça sobremesa. Inclusive o sorvete que vai exigir taças especiais etc. Mas uma bandeja para servir um ótimo cafezinho precisa estar montada. E, de quebra, uma lata com biscoitos doces ou chocolates comprados na sua padaria preferida pela manhã. Afinal de contas, é fundamental adoçar a boca e o início da semana – concorda?

claudiamatarazzo.com.br

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: